Despensa

Couve-manteiga
Vá de orgânica!

Refogada, é deliciosa. Mas também dá pra fazer salada, charutinho e, é claro, o tão famoso suco verde, que transformou a couve em hortaliça “hours concours”.

 

Na hora de escolher, procure sempre as bem verdinhas e com a folha crocante – orgânicas são ainda melhores, tanto no aspecto quanto no sabor. E para cortar a couve bem fininha, faça como os profissionais: primeiro, descarte os talos centrais, que podem ser usados em algum caldo. Depois, empilhe até 3 folhas e enrole como se fosse um charuto. Aí, é só deslizar a faca e cortar.

 

Cortada assim, pode ser congelada em saquinhos próprios para isso – é uma boa dica para quem mora sozinho e acaba vendo a couve estragar na geladeira. E para refogar, é um susto: bem rápido. Assim, a couve continua crocante e bem verdinha.


Leave a Reply

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.